O que nos torna brasileiros? Uma abordagem cristã

Outra Leitura

independencia_ou_morte_2

Sinto uma emoção forte ao pensar que, há exatos duzentos anos, em um gesto despretensioso, o jovem príncipe regente, prestes a completar 24 anos, em declaração que passou para a história de nosso país, proclamou  nossa independência em relação ao reino de Portugal. Dom Pedro I jamais imaginaria o que estava por acontecer, e que, em um gesto muito mais preocupado com a coroa portuguesa, que futuramente estaria sobre sua cabeça, estava na verdade dando o primeiro passo constitutivo do Brasil como país. Soaria absolutamente absurda, para o jovem estadista, a ideia de que um dia, um país de proporções continentais chamado Brasil, com um território de mais de 8 milhões de km², teria uma população de mais de duzentos milhões de habitantes.

Pouco importa que o grito da independência não tenha ocorrido exatamente como nos ensina a história oficial e o imaginário popular, para o qual muito colaborou a…

Ver o post original 1.363 mais palavras

Publicado por

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s